‘A nossa guerra começa amanhã’

Pedro Caixinha considera que o jogo de amanhã contra o Feirense é o início de um novo ciclo de vitórias.

Vamos fazer tábua rasa daquilo que foi a primeira volta e queremos começar amanhã o campeonato. E toda a convicção daquelas pessoas e equipas ambiciosas, como é a nossa, para começar um novo ciclo é começar a ganhar. A nossa guerra e o nosso campeonato começam amanhã”, garantiu o técnico dos alvi-negros, ao final da tarde de hoje na conferência de imprensa de antevisão do jogo.

Pedro Caixinha afirmou ainda que a equipa do C.D. Nacional está motivada para vencer. “Sinto a equipa com uma vontade tremenda de jogar, mostrando a sua determinação e a sua ambição perante um adversário que sabemos que é tradicionalmente muito difícil”, observou.

O técnico acrescentou, ainda, que o Farense apresenta “um futebol positivo”, pois tem jogadores de qualidade e de intensidade, que conseguem ao mesmo tempo ser muito competitivos. “Por isso, esperamos um jogo difícil”, reiterou.

Na conferência de imprensa o professor Pedro Caixinha não quis falar sobre a suspensão do médio sérvio Ivan Todorovic, referindo que se trata de uma questão do foro interno do clube. “As pessoas e o grupo sabem qual é a minha opinião, por isso não vou expressá-la agora publicamente”, frisou, garantindo que este caso não vai abalar a equipa.

O jogo do C. D. Nacional diante do Feirense tem lugar amanhã, pelas 16h00, no Estádio da Madeira, contando para a 16ª jornada da Liga Portuguesa de Futebol. A partida será arbitrado pelo árbitro setubalense João Ferreira.

Sem poder contar com Juliano e Stojanovic (lesionados), Neto (castigado), Mateus (ao serviço da Selecção de Angola na CAN2012), e ainda Keita (sem certificado), o técnico Pedro Caixinha promoveu a estreia nos convocados de Pecnik, Moreno e Marçal, registando-se ainda os regressos de Vladan e João Aurélio.

 Lista dos convocados:

Guarda-redes: Marcelo Valverde e Vladan

Defesas: Claudemir, Moreno, Danielson, Márcio Madeira e Marçal.

Médios: Skolnik, Elizeu, Andrés Madrid, João Aurélio, Rene Mihelic e Pecnik

Avançados: Candeias, Anselmo, Mário Rondon, Oliver e Diego Barcellos.

[fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”]

[fbshare type=”button”]

[twitter style=”vertical” float=”left”]

Pin It on Pinterest