PAN defende a criação de ecoaldeias

Rui Vieira, porta-voz da ação, entende que o modelo atual de desenvolvimento não é sustentável.

O Partido pelos Animais e pela Natureza (PAN) defendeu hoje, em conferência de imprensa, a criação de ecoaldeias.

Rui Vieira referiu que as ecoaldeias são comunidades, de um modo geral rurais, que se pautam por um respeito pelos membros da comunidades, nos quais se incluem os animais, pela ecologia e pela espiritualidade.

“As ecoaldeias são criadas com o fim de serem auto-suficientes, no que respeita à energia, à alimentação e, de facto, fazem sentido nos dias em que nos vivemos”, apontou, sublinhando que o modelo atual de desenvolvimento não é sustentável.

O porta-voz da iniciativa do PAN considerou que a adoção, muito atempada, destes comportamentos teria evitado muitos dos constrangimentos atuais, fruto de uma sociedade capitalista e consumista.

Mas falta vontade, não apenas das pessoas, mas dos governantes e das suas políticas. Rui Vieira disse mesmo, neste âmbito, que há uma grande diferença entre a apresentação de propostas teóricas e a sua colocação em prática.

[fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”] [fbshare type=”button”]

Pin It on Pinterest