Lufthansa despediu-se da ‘velha’ frota Boeing 737

Após 48 anos, a Lufthansa despediu-se ontem, dia 31 de outubro, da sua frota de Boeing 737. Para assinalar a data, um B737-300, com a matrícula D-ABEC (“Karlsruhe”), voou de Frankfurt para Hamburgo no voo, no LH9922, no qual a frota B737 da Lufthansa se despediu oficialmente durante uma cerimónia conjunta com a Lufthansa Technik.

“A Lufthansa tem tido sempre aproximações inovadoras para ir ao encontro das necessidades dos seus clientes e aproveitar oportunidades de mercado, o que explica o papel chave que teve na criação e desenvolvimento do B737. Iremos continuar esta aproximação inovadora com a última geração de aviões”, referiu na ocasião Harry Hohmeister, membro do Conselho Executivo e Director da Gestão de Placa Giratória.

Durante várias décadas, a Lufthansa teve um total de 148 aviões B737 de praticamente todas as gerações. No início dos anos 1960, o então CEO da Lufthansa Technik, Professor Gerhard Höltje, deu um grande empurrão ao projecto, tendo apoiado um desenvolvimento conjunto com a Boeing de um avião a jacto para pequeno e médio curso. O desenho da cabina e o posicionamento dos motores debaixo das asas do avião só existiam à época nos aviões de longo curso.

Nas próximas semanas, os aviões serão transferidos para a Flórida onde serão revendidos.

Pin It on Pinterest