Vinil ultrapassa digital em vendas de música

Pela primeira vez, numa semana, foi gasto mais dinheiro na compra de álbuns de vinil do que em ficheiros de música digital. Passou-se na Inglaterra, noticiou esta terça-feira a BBC. Segundo a Associação de Retalhistas do Entretenimento( ERA, na sigla inglesa) da Grã-Bretanha, as vendas de música em vinil renderam à indústria discográfica 2,8 milhões de euros, enquanto os downloads digitais ficaram pelos 2,5 milhões.

A ERA explica que a escalada das vendas do vinil podem dever-se à popularidade de que estes álbuns gozam enquanto presente de Natal. Uma preferência que levou algumas cadeias de lojas, incluindo hipermercados como o Sainsbury’s e o Tesco, a terem discos de vinil em stock e a incluí-los na sua oferta.

“Esta é mais uma prova da capacidade que os fãs de música têm de nos surpreender a todos”, disse à BBC Kim Bayley, chefe da associação inglesa. “Ainda não há muito tempo, o download de música digital estava votado a ser o futuro. Poucos previam que um formato de disco inventado em 1948 e baseado na impressão de sulcos em pedaços de plástico estaria agora, em 2016, a ultrapassar as vendas do digital.”

Pin It on Pinterest