Pedro Marques anunciou aprovação de 1 milhão de euros de apoios para o Funchal

O ministro do Planeamento e Infraestruturas, Pedro Marques, foi recebido nos Paços do Concelho do Funchal, pelo presidente da Câmara Municipal, Paulo Cafôfo, e restante Executivo, tendo aproveitado para anunciar que a candidatura da Autarquia ao POSEUR – Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos, com vista ao cofinanciamento dos trabalhos preliminares de consolidação das escarpas afetadas pelos incêndios foi aprovada, pelo que a intervenção será suportada em 85% pelos fundos comunitários.

Recorde-se que o Município tinha dado início, logo no rescaldo dos incêndios, às intervenções nas escarpas do concelho, e avançado de imediato, com um milhão de euros vindo diretamente do orçamento municipal, o que obrigou a divergir verbas de diversas rubricas orçamentais, para garantir o mais rápido possível a segurança de pessoas e bens. A Autoridade de Gestão Nacional do POSEUR reconheceu agora essa resposta indispensável, no sentido de prevenir acidentes cuja gravidade seria sempre muito elevada, com a validação da candidatura, numa altura em que os trabalhos preliminares de consolidação já se encontram concluídos.

Paulo Cafôfo começou por agradecer “o empenho do Governo da República nas questões da Região e do Funchal, em particular”, enaltecendo que “podermos contar com o Governo Central fez, mais uma vez, toda a diferença.” Paulo Cafôfo lembrou que “a disponibilização de fundos estruturais obedece a várias regras e prevê a apresentação de projetos bem elaborados, que façam eco da capacidade de planeamento e de execução das entidades beneficiárias. Hoje tivemos aqui mais uma prova de que assim é.”

Paulo Cafôfo afirmou, igualmente, que foi feito um ponto de situação em relação aos diversos trabalhos que têm sido desenvolvidos no âmbito da recuperação após os incêndios e referiu a importância da autarquia estar envolvida na discussão destes dossiers, uma vez que “a articulação com o Governo Regional tem sido difícil”. À aprovação deste financiamento de 1 milhão de euros devem juntar-se, devidas a candidaturas em curso e a outras que estão a ser preparadas.

Pin It on Pinterest