EUA acabam com autorizações de residência para imigrantes ilegais cubanos

O Presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, anunciou hoje o fim do regime em vigor há décadas que concede autorizações de residência aos imigrantes ilegais cubanos que chegam a território norte-americano. A revogação satisfaz um pedido de longa data do regime comunista de Havana, que o considerava um incentivo ao exílio dos cubanos.
“Hoje, os Estados Unidos atingiram o marco para normalizar as relações com Cuba (…) com o fim da política conhecida como `pés secos, pés molhados` criada há mais de 20 anos e projectada para uma era diferente”, disse, em comunicado, Barack Obama.

A decisão é um grande passo na aproximação entre Washington e Havana, depois de os países terem retomado as relações bilaterais a 17 de Dezembro de 2014.

O Governo de Cuba afirmou hoje que o anúncio feito por Barack Obama é um “passo importante” e comprometeu-se a receber todos os cubanos deportados por tentarem entrar ilegalmente nos Estados Unidos.

Pin It on Pinterest