GNR apreendeu mais de 500 mil euros a chineses

Um cidadão chinês foi detido, esta quinta-feira, na fronteira do Caia, em Elvas, na posse de cem mil euros, depois de a GNR anunciar a detenção de outros dois cidadãos de nacionalidade chinesa na posse de 480 mil euros.

Além de deter o homem que estava na posse de 100 mil euros, a GNR apreendeu a viatura em que seguia, durante o controlo da fronteira do Caia, que decorre no âmbito da “Operação Fronteira Branca”. A GNR tinha já anunciado a detenção no mesmo local de outros dois outros chineses, de 35 e 36 anos, pelo alegado crime de branqueamento de capitais. Tinham na sua posse cerca de 480 mil euros, em notas de 50, 100 e 500 euros, que foram apreendidos.

A “Operação Fronteira Branca”, que está a ser realizada no âmbito da visita do Papa a Portugal, fez repor o controlo documental dos cidadãos nas fronteiras aéreas, marítimas e terrestres do país, até à meia noite do próximo domingo.

Pin It on Pinterest