82% dos portugueses utilizam subsídio de Natal para prendas

Um inquérito realizado pelo “Observador Cetelem” revela que 82% dos consumidores utilizam o subsídio de Natal para comprar prendas.

O “Observador Cetelem” acaba de apresentar os resultados de um estudo sobre as intenções de compra para o Natal de 2011, no qual a maioria dos inquiridos (82%) revela que recorre ao subsídio de Natal para comprar presentes. 42% afirma que utiliza uma parte significativa e 14% revela que o subsídio de Natal não é suficiente para comprar todos os presentes.

Lisboa é a região do país em que a percentagem de inquiridos menos utiliza o subsídio de Natal para comprar os presentes – 69%. Já a região Sul é a que mais utiliza este extra: 90% afirma que tem de recorrer ao subsídio de Natal para fazer algumas compras. Segue-se a zona Norte com 86%, o Centro com 85% e o Porto com 80%. A análise refere ainda que, no Centro do país, 24% dos inquiridos declaram que o subsídio de Natal não é suficiente para a compra de presentes.

“Lisboa e Porto são as zonas do país onde os consumidores apresentam um maior poder de compra e como tal são também as zonas onde os inquiridos menos recorrem ao subsídio de Natal para adquirir as prendas de Natal. Em Lisboa essa tendência é, ainda mais acentuada” afirma Conceição Caldeira Silva, responsável pelo “Observador Cetelem” em Portugal.

Os inquiridos nas faixas etárias entre os 25 e 34 anos e os 35 e 44 são os que referem que mais utilizam o extra de final de ano para comprar presentes. 90% dos inquiridos entre estas idades afirma que o faz e 52% declara que utiliza uma parte significativa.

Esta análise foi realizada em colaboração com a Nielsen e aplicada, através de um inquérito quantitativo, a 500 indivíduos de Portugal Continental, de ambos os sexos, dos 18 aos 65 anos, entre o período de 3 a 4 de Outubro de 2011. O erro máximo é de +4,4 para um intervalo de confiança de 95%.

[fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”]

[fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”]

[twitter style=”vertical” float=”left”]

Pin It on Pinterest