FNAC e AMI juntas contra a pobreza

A FNAC e a AMI juntaram-se uma vez mais para ajudar os mais desfavorecidos.

Começou ontem e termina no dia 31 de Dezembro, a campanha da FNAC em parceria com a AMI onde pode contribuir a favor da luta contra a pobreza em Portugal, ou seja, em qualquer FNAC do país, através do acréscimo de um euro, ou mais, ao total do seu talão de compra. Assim, a FNAC, através de mensagens difundidas pelas suas lojas, convida os clientes a oferecerem uma refeição, um banho ou uma lavagem de roupa, entre outros exemplos, a todos aqueles que não possuem recursos suficientes para satisfazer estas necessidades. A totalidade dos fundos angariados reverterá a favor da Fundação AMI que disponibiliza, através de nove centros Porta Amiga, dois conjuntos de serviços de apoio: os que visam satisfazer as necessidades básicas, tais como refeitório, balneário, roupeiro, lavandaria, dispensário médico e de enfermagem e os que visam desenvolver a autonomia dos beneficiários, promovendo a sua reinserção social, tais como o apoio social, o apoio na procura de emprego, apoio jurídico e a formação e validação de competências.

Em 2010, a FNAC recolheu, através deste processo de mobilização junto dos seus clientes, um total de 39.917 euros que contribuíram para o trabalho quotidiano da AMI em todo o país e para aliviar o sofrimento de um número crescente de portugueses desfavorecidos. Recorde-se que desde 1995, e até ao final do ano de 2010, foram atendidas, pela primeira vez, 51 312 pessoas em situação de pobreza e de exclusão social. Em 2011, entre Janeiro e Junho, a AMI registou um aumento de 32% de pedidos de ajuda, relativamente ao período homólogo do ano passado.

[fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”]

[fbshare type=”button”]

[twitter style=”vertical” float=”left”]

Pin It on Pinterest