1/3 da população portuguesa sofre de doenças reumáticas

A Madeira acolhe o 8th European Workshop on Immune-Mediated Inflammatory Diseases.

AJJ Congresso Imunne-Mediated Inflammatory3A Região Autónoma da Madeira acolhe, até 7 de Novembro, no Hotel Vidamar, o 8th European Workshop on Immune-Mediated Inflammatory Diseases.

João Eurico Fonseca, presidente da Sociedade Portuguesa de Reumatologia, observou que cerca de 1/3 da população portuguesa tem sintomas de doenças reumáticas e sublinhou que é importante que os profissionais de saúde consigam fazer um diagnóstico precoce. Este contato com os especialistas internacionais é também importante para um melhor conhecimento das doenças e partilha de informações.

«Estas doenças ocorrem em qualquer idade. É errado pensar que é uma doença dos idosos. (…) Mas há vários medicamentos muito eficazes e que mudam o curso da doença. Permite que alguém que estava incapaz de trabalhar consiga ter uma vida normal”. João Eurico Fonseca acrescentou que é preciso garantir que haja reumatologistas nas principais cidades, mas também em outros locais, de menor dimensão, para permitir o acesso a todos os doentes.

Ricardo Figueira, médico reumatologista e responsável pela organização do workshop na Madeira, referiu que os serviços de saúde regionais têm profissionais suficientes para responder às necessidades da população.

[fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”] [fbshare type=”button”]

Pin It on Pinterest