Carlos Pereira marca presença na “Noite do Mercado”

Apesar de ter sido vítima de uma agressão, na “Noite do Mercado” de 2010, o deputado socialista garante que vai hoje à tradicional festa madeirense.

Como manda a tradição são muitos os madeirenses que esta noite se deslocam à “Noite do Mercado”, no Funchal, para fazerem as últimas compras, experimentar as tradicionais bebidas da “Festa” e comer as sandes de carne de vinha de alhos e a canja.

É o caso do deputado socialista, Carlos Pereira que apesar de ter sido agredido, na “Noite do Mercado” do ano passado garantiu ao CidadeNet que vai marcar presença no evento.

“Não vou ter nenhuma limitação naquilo que costumo fazer, há 20 anos que vou à “Noite do Mercado” e hoje não será excepção. Tenho confiança que não acontecerá nenhuma situação como a que se passou no ano passado”, declarou, acrescentando que espera que os responsáveis políticos “tenham uma palavra, no sentido de não transformar o debate político num estimulo às acções de violência contra aqueles que tem posições diferentes”.

O parlamentar socialista referiu ainda que espera que os turistas possam se envolver nesta festa tradicional madeirense para perceberem como “é que nós vivemos o Natal”.

Sobre o facto da crise vir a alterar a “Noite do Mercado” Carlos Pereira

Questionado sobre o facto da crise vir a alterar a ida à “Noite do Mercado” Carlos Pereira acredita que a festa vai manter-se porque as pessoas continuam a ter vontade de conviver o que se vai alterar é o consumo.

“O convívio vai manter-se embora com restrições de consumo devido à conjuntura económica financeira”, concluiu.

[fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”]

[fbshare type=”button”]

[twitter style=”vertical” float=”left”]

Pin It on Pinterest