Grupo terrorista divulga vídeo da execução de um refém alemão

O grupo terrorista filipino Abu Sayyaf divulgou hoje o vídeo da execução de um refém alemão de 70 anos, Juergen Kantner, decapitado após o fim do prazo definido para o pagamento do resgate. O vídeo de quase dois minutos foi difundido pelo portal “SITE Intel Group” e mostra um suposto membro do grupo terrorista a decapitar Kantner com uma foice e a exibir a sua cabeça perante as câmaras.

O Abu Sayyaf exigia o pagamento de um resgate de 30 milhões de pesos filipinos (565 mil euros) antes da tarde de domingo como condição para libertar Juergen Kantner, sequestrado em Novembro do ano passado, em águas do estado malaio de Sabah, adjacente ao sul das Filipinas, depois de piratas terem abordado o iate em que viajava com a sua mulher, que foi morta a tiro.

Em meados deste mês, as Forças Armadas das Filipinas desaconselharam o pagamento do resgate, argumentando que tal significaria o encaixe de uma avultada verba que permitiria ao Abu Sayyaf reforçar a sua capacidade militar e comprar o apoio das comunidades nas quais se esconde na ilha de Mindanao, no sul das Filipinas.

O Abu Sayyaf foi criado em 1991 por um grupo de ex-combatentes da Guerra do Afeganistão contra a antiga União Soviética. É-lhe atribuída a autoria de alguns dos mais sangrentos atentados dos últimos anos nas Filipinas e de inúmeros sequestros, através dos quais se financia.

Pin It on Pinterest