Governos não podem descurar área da saúde mental (VÍDEO)

Poupar no imediato, pode acarretar grandes gastos no futuro, aponta o especialista Óscar Gonçalves.

O diretor do Laboratório do Neuropsicofisiologia da Universidade do Minho, Óscar Gonçalves, sublinhou hoje que os governos, regional e da república, não podem descurar a área da saúde mental.

“Há pouca sensibilidade, ainda, para os problemas da saúde mental. Durante muitos anos foram pensados como um enteado das políticas de saúde. Mas penso que, cada vez mais, entendemos o investimento nestas áreas como uma condição de garantia da sustentabilidade em termos de futuro”, disse.

Por outro lado, apesar das adversidades do meio interno ou externo, como sejam os problemas financeiros, é preciso mostrar às pessoas que existem alternativas. “São momentos em que há, de facto, uma maior incidência de problemas sociais e que se refletem do ponto de vista psicológico, (…) mas são também momentos de reinvenção”.

O professor catedrático foi o orador da conferência intitulada: “Síndrome de Williams, uma perturbação neuropsicológica”, dinamizada pelo Centro de Competência de Artes e Humanidades da Universidade da Madeira, através da direção do 1º Ciclo de Psicologia.

A Síndrome de Williams é uma perturbação congénita do desenvolvimento e caracteriza-se por um conjunto de sintomas específicos que se devem à ausência parcial de informação genética num dos cromossomas 7.

“Deverá haver entre mil a dois mil portugueses afetados com a doença”, apontou o especialista, acrescentando que na Região Autónoma da Madeira não houve, até à data, nenhum estudo concreto sobre a doença.

E como tal a importância destas iniciativas, não só para a comunidade em geral, mas designadamente junto da comunidade académica ligada à área da saúde.

“Um dos objetivos, da minha vinda cá, é localizar também algumas das crianças diagnosticadas aqui na Madeira, para podermos seguir, investigar e apoiar na resolução dos principais problemas psicológicos”.

[twitter style=”vertical” float=”left”] [fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”]

Pin It on Pinterest