Dançando com a Diferença esteve em Madrid e marcará presença nos 40 anos autonomia

Começou, no passado dia 9, em Madrid na “La Casa Encendida” da Fundación Montemadrid a quarta edição do ÍDEM 2016 – Festival Internacional de Artes Escénicas, comissariado por Paz Santa Cecilia.

O grupo Dançando com a Diferença recebeu as honras ter BICHOS (de Rui Lopes Graça) como o espetáculo de inauguração do evento.

A equipa de treze pessoas que compõe o grupo, nesta deslocação a Madrid, está a ser muito bem recebida pela organização.

O público presente na noite de abertura, que lotava o pátio da “La Casa Escendida”, brindou o grupo com imensos aplausos ao final da apresentação. Os elogios e curiosidade pelo trabalho desenvolvido foram imensos.

na segunda noite de apresentação houve audiodescrição do espetáculo, para o público de invisuais.

É a acessibilidade cultural fazendo com que os espetáculos do Dançando com a Diferença chegue de forma acessível aos diferentes públicos. Em Madrid a audiodescrição de BICHOS é apoiada pela Fundación Once.

Vencedores do Prémio Acesso Cultura 2016, a acessibilidade global aos seus espetáculos, continua a ser uma das preocupações e objetivos do Dançando com a Diferença que também é um dos associados institucionais da Associação Acesso Cultura.

Relembra-se que BICHOS é uma co-produção do Grupo Sousa e da Câmara Municipal do Funchal e que o Dançando com a Diferença é uma estrutura apoiada pelo Governo Regional da Madeira e pela Câmara Municipal do Funchal.

O grupo Dançando com a Diferença apresenta-se no Teatro Municipal Baltazar Dias, no âmbito das comemorações dos 40 Anos da Autonomia nos próximo fim de semana, dias 16, 17 e 18 de setembro. As entradas são gratuitas e os convites devem ser levantados (limitados a 2 por pessoa) na bilheteira do Teatro.

Pin It on Pinterest