“Jazz na Vinha” este domingo

Este domingo, dia 27 de agosto, a Casa Agrícola Alexandre Relvas vai abrir as portas da Herdade da Pimenta, em São Miguel de Machede, à música jazz, numa ação, com entrada e transporte gratuito, que irá encerrar a programação de verão de Évora e celebrar o início da Vindima de 2017.

“Jazz na Vinha” promete agitar a Herdade da Pimenta ao som do jazz Dixieland, convidando o público para ouvir a jovem banda Seven Dixie, que numa polifonia de trompetes, trombone, clarinete, tuba e bombo, trará, pelas 20 horas, o som do jazz Dixieland às vinhas do produtor de vinho regional do Alentejo.

O transporte, disponibilizado pela Casa Agrícola Alexandre Relvas, será feito num autocarro panorâmico, que partirá às 19.30 horas da Praça do Giraldo, até S. Miguel de Machede e de regresso a Évora.

Sempre ao ritmo das improvisações da banda de jazz, o autocarro partirá do centro histórico até S. Miguel de Machede, a 17 km da cidade, numa divertida aventura musical, que terminará num concerto em plena vinha, com direito a um copo de vinho.

Como os lugares disponíveis no autocarro são limitados, quem quiser usar meios próprios de transporte também será bem-vindo a Herdade da Pimenta para assistir ao concerto, que terá início nas vinhas às 20 horas.

“Jazz na Vinha” integra o programa “Artes à Rua 2017 – Festival de Artes Públicas”, um festival de arte pública promovido pela Câmara de Évora, que trouxe, entre 8 de julho e 27 de agosto, às praças, ruas e largos da cidade e de algumas freguesias rurais, inúmeras manifestações artísticas (música, teatro, performance, dança e instalação) em espaço público e de acesso gratuito.

“Jazz na Vinha” faz parte do programa de verão do Enoturismo da Casa Agrícola Alexandre Relvas, que abriu as portas em julho do ano passado, criando uma oportunidade para o visitante vivenciar o quotidiano de trabalho de um dos maiores produtores de vinho do Alentejo.

Este ano, a Casa Agrícola Alexandre Relvas – fundada em 1997 por Alexandre Relvas – estima alcançar os 6 milhões de garrafas e atingir 12 milhões em volume de negócios.

O mercado externo, com mais de 150 clientes e 15 mil pontos de venda em todo o mundo, foi desde sempre a aposta estratégica da Casa Agrícola Alexandre Relvas. Atualmente, o produtor de vinho está nos mercados dos EUA, Brasil, Bélgica, Áustria, Alemanha, Holanda, Inglaterra, Irlanda, Angola, China, França, Timor, Coreia, Japão, Moçambique, Cabo Verde, Namíbia e África do Sul, que no conjunto representam 70% das exportações da empresa.

Pin It on Pinterest