“A situação está cada vez pior”

O número de pedidos de ajuda não pára de subir na Paróquia da Nazaré.

Em declarações ao Cidade Net, o  padre Marcos Pinto referiu que o número de pedidos de ajuda tem vindo a aumentar consideravelmente na Paróquia da Nazaré, fruto da atual conjuntura económica. “A situação está cada vez pior, as coisas têm vindo a piorar. Estamos a ter muitas mais solicitações  das pessoas”, apontou.

No entanto, o sacerdote da Paróquia da Nazaré não quis avançar com números. “Estamos a começar a nos retrair um pedaço em relação aos números. Os números são falaciosos e nós não nos importamos com eles. Ajudamos pessoas muito individuais que aparecem à porta, não contabilizamos quantas são, pois a nossa única preocupação é ajudá-las”, realçou.

O incremento do desemprego, segundo o sacerdote, tem sido a principal problemática social que tem levado ao aumento dos pedidos de apoio.

“O desemprego tem sido fatal, atingido muitas vezes todo o agregado familiar. Essas famílias têm filhos para tratar, alguns deles com doenças que precisam de um apoio ainda mais específico”, descreveu Marcos Pinto.

A recolha de alimentos tem sido uma das formas que a Paróquia da Nazaré utiliza para apoiar os mais carenciados. “Algumas pessoas também têm aparecido pela paróquia e feito os seus donativos, os quais são encaminhados para ajudar as famílias. Paralelamente, também temos sensibilizado mais as pessoas para partilhar”, transmitiu o padre Marcos Pinto.

Aquele responsável referiu, ainda, que as pessoas têm sido solidárias, demonstrando um “bom espírito cristão”.

[fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”]

[fbshare type=”button”]

[twitter style=”vertical” float=”left”]

Pin It on Pinterest