BEBÉ VIDA solidária com Gustavo Martins

A BEBÉ VIDA está a promover recolha de sangue para ajudar Gustavo Martins.

A BEBÉ VIDA, banco familiar português de criopreservação das células estaminais do sangue do cordão umbilical, “está totalmente solidária com a situação angustiante” pela qual está a passar o pequeno Gustavo Martins, filho do atleta Carlos Martins e, por isso, lança uma mensagem de apelo a todos os seus clientes, parceiros, fornecedores e colaboradores para que se inscrevam na recolha de amostras de sangue para análise da compatibilidade de medula óssea.
Todos os indivíduos saudáveis podem ser dadores, desde que tenham entre 18 e 45 anos, altura superior a 1,50m, peso superior a 50kg e que não sejam portadores de doenças crónicas ou auto-imunes e não tenham recebido uma transfusão de sangue desde 1980.
Contudo, para que uma equipa do Centro Nacional de Dadores de Células de Medula Óssea, Estaminais ou de Sangue do Cordão (CEDACE) se desloque ao Laboratório da BEBÉ VIDA, no Porto (na Avenida de França, nº 476/486) e proceda à recolha de amostras de sangue, é necessária a pré-inscrição de 60 dadores. As pré-inscrições podem ser feitas através do número de telefone 707 20 10 18 ou do email dcm@bebevida.com.
O pequeno Gustavo Martins sofre de uma doença rara, chamada aplasia medular, só ultrapassável com um transplante de medula óssea, mas nenhum familiar é compatível e as probabilidades de ser encontrado um dador compatível são de um em cem mil.
“O Gustavo necessita urgentemente de um dador compatível e a BEBÉ VIDA quer muito ajudá-lo a encontrar esta pessoa. Esperamos que os nossos clientes, parceiros, fornecedores e colaboradores se sensibilizem com esta causa e que esta acção sirva não só o filho do Carlos Martins como outros doentes que aguardam por um dador compatível”, afirma Sílvia Martins, Administradora da BEBÉ VIDA.
A aplasia medular é uma doença grave que se manifesta através de anemias, infecções contínuas ou hemorragias. A medula óssea deixa de produzir os componentes sanguíneos (hemácias, plaquetas e leucócitos) que são responsáveis pelo transporte de oxigénio, produção de anticorpos e coagulação do sangue.
Para mais informações, consulte www.bebevida.pt.

[fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”]

[fbshare type=”button”]

[twitter style=”vertical” float=”left”]

Pin It on Pinterest