CDU contra aumento do preço dos transportes públicos

A CDU/Madeira está contra o aumento exagerado do preços dos transportes públicos.

“Basta de roubos” Basta de exploração! Assim não pode ser! Há que dizer não! Há que lutar contra os aumentos que nos querem impor!”. Foram estas algumas das mensagens que a CDU/Madeira tentou transmitir à população, numa iniciativa política no Funchal. Na ocasião, o dirigente comunista Leonel Freitas disse que não é admissível um aumento de 15% do preço dos transportes públicos quando as pensões e os salários dos trabalhadores estão congelados.

Nas contas feitas pela CDU um passe médio, no Funchal, vai passar de 36 para 42 euros quase cinco euros de aumento um valor incompreensível para os dirigentes comunistas. Leonel Nunes mostrou-se ainda preocupado com a privatização da empresa Horário do Funchal. Os dirigentes da CDU estão convictos de que muitas carreiras que hoje servem as populações e que têm uma função de serviço público de ajuda às populações irão ser canceladas se a empresa for privatizada.

 

[fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”]

[fbshare type=”button”]

[twitter style=”vertical” float=”left”]


PUB