PS propõe suspensão da tributação no CINM

Socialistas exigem uma solução imediata para a questão do CINM.

O projeto de resolução do Partido Socialista da Madeira, apresentado hoje na Assembleia Legislativa, recomenda a isenção da tributação nos dividendos e juros de acionistas não residentes, conforme estava em vigor antes do Orçamento de Estado para 2012, bem como a suspensão da referida tributação, enquanto durarem as negociações com a União Europeia.

Carlos Pereira, líder do Grupo Parlamentar, reiterou que o Centro Internacional de Negócios da Madeira é fundamental para a atração de investimento estrangeiro.

“Consideramos que os partidos devem de ter isto em atenção, de modo a não fazerem deste tema uma politização excessiva e algo interesseira, que acaba por matar aquilo que é a esperança do CINM”.

O deputado socialista sublinhou que a população está farta de promessas que não resolvem verdadeiramente as questões. E, por isso, a importância de medidas concretas para revitalizar o tecido económico.

Na conferência de imprensa, que decorreu na sede do partido, falou-se igualmente do plano de resgate financeiro. O Partido Socialista insiste em outras medidas de contenção, que não afetem tanto as famílias e as empresas.

[fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”]

[fbshare type=”button”] [twitter style=”vertical” float=”left”]

Pin It on Pinterest