CDS acusa MPT de “proxenetismo político”

Rui Barreto do CDS acusou Roberto Vieira do MPT de “proxenetismo político” a favor da maioria.

No momento, em que o plenário discute a adaptação à Região do decreto-lei nº259/2009, que regulamenta  a arbitragem obrigatória e necessária, bem como os serviços mínimos durante a greve, há uma troca de palavras entre o deputado Rui Barreto do CDS e Roberto Vieira do MPT.  O deputado  do Partido da Terra voltou a acusar o CDS de ser responsável por “todas as medidas de austeridade da República e de ter duas caras”. Em resposta, Rui Barreto acusou o MPT de estar ao serviço do PSD,  ter como único alvo a bancada do CDS. O parlamentar centrista acusou Roberto Vieira de “proxenetismo político” a favor da maioria PSD.

Por seu turno Roberto Vieira considerou as afirmações de Rui Barreto “ordinárias e rasteiras” e uma clara “descida do nível do parlamento”.  O diploma do Governo Regional foi aprovado, com votos a favor de PSD, CDS, PS e PAN e votos contra de PCP, PND, PTP e MPT.

[twitter style=”vertical” float=”left”] [fbshare type=”button”] [fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”]

Pin It on Pinterest