Ronda dos Castanheiros/TT Verde ‘com casa cheia’

A 23ª edição da clássica Ronda dos Castanheiros/TT Verde, uma das mais antigas provas de TT de Portugal, vai para a estrada a 11 de Março.

Segundo a organização, até ao momento foram já registadas 25 equipas/viaturas, o que totaliza cerca de 8 dezenas de participantes.

Numa organização da Secção Todo-o-Terreno do Grupo Desportivo do Estreito e integrada no calendário nacional, desde 1994, da F.P.T.T, a Ronda dos Castanheiros/TT Verde terá um percurso acessível a qualquer viatura TT mesmo sem preparação especial.

Com concentração na Praça da Autonomia, cidade de Câmara de Lobos, pelas 8h30, a ronda irá percorrer os quatro concelhos da costa sul, Câmara de Lobos, Ribeira Brava, Ponta do Sol e Calheta.

Este percurso será uma rara oportunidade para, ao longo de todo o dia, os participantes percorrerem caminhos de terra batida, desconhecidos da grande maioria dos madeirenses, desfrutando de raras e belas paisagens “escondidas” entre muitos vales e montanhas.

Desde a primeira edição, esta prova tem uma forte componente ambiental e pedagógica, mas sobretudo prática, já que todos os participantes prestam um serviço cívico gratuito, que se traduz, quer na recolha de lixos existente ao longo do percurso, quer na plantação de diversas árvores, cedidas pelos serviços florestais da Secretaria Regional dos Recursos Naturais e Ambiente, contribuído desta forma para que as serras madeirenses fiquem mais limpas e verdes, envolvendo a Câmara Municipal de Câmara de Lobos e a Junta de Freguesia do Jardim da Serra, localidade onde termina este ano a prova.

Não sendo uma competição pura, esta prova tem uma forte componente turística e social, permitindo o contacto com a natureza na descoberta de muitos lugares na nossa ilha, o que justifica o interesse de equipas constituídas por todos os elementos da família em participar na prova, que será mais uma grande jornada de TT Verde.

No intuito dos responsáveis desta prova, está o objetivo de tornar esta prova num encontro obrigatório de quem aprecia uma prova competitiva, mas onde o convívio e o Fair Play são as notas dominantes.

O encerramento da prova está previsto junto à nova igreja do Jardim da Serra, onde todos os participantes irão proceder a uma plantação de árvores.

[fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”] [fbshare type=”button”] [twitter style=”vertical” float=”left”]

Pin It on Pinterest