Vinhos do Tejo trazem 10 medalhas para Portugal

Os vinhos do Tejo arrecadaram 10 medalhas de prata na edição de 2012 do Vinalies Internationales, anunciou a organização do concurso de vinhos francês.

O vinho ‘Casal da Coelheira Rosé 2011’, produzido no Centro Agrícola do Tramagal, voltou a destacar-se, ao cotar-se como o único rosé nacional premiado pelo júri da competição, isto depois de com a colheita de 2010 do mesmo néctar ter sido também o único rosé português a alcançar a medalha de ouro na edição do ano passado daquele concurso.

Nota ainda para o tinto ‘Casal da Coelheira Reserva 2010’, que assegurou ao mesmo produtor a conquista de uma segunda medalha de prata.

De igual forma, com os vinhos ‘Companhia das Lezírias Samora Tinto 2010’ e ‘Azul Portugal Branco 2011’, a Companhia das Lezírias arrecadou também dois galardões prateados.

A Quinta do Casal Monteiro compõe o leque de produtores do Tejo cujos vinhos o júri do Vinalies Internationales condecorou por duas vezes, ao distinguir o ‘Forma de Arte Reserva Tinto 2009’ e o ‘Casal Monteiro Chardonnay & Arinto Branco 2010’.

Os restantes vinhos e produtores da região do Tejo galardoados com prata no concurso francês são:

  • ‘Casal do Conde Tinto 2010’ – Sociedade Agrícola Casal do Conde;
  • ‘Conde de Vimioso Reserva Tinto 2008’ – Falua;
  • ‘Falcoaria reserva Tinto 2007’ – Casal Branco;
  • ‘Quinta da Lagoalva Reserva Tinto 2010’ – Quinta da Lagoalva;

É de realçar que praticamente todos os vinhos premiados têm um preço inferior a 8 euros e três deles custam mesmo menos de 5 euros, o que prova, por um lado, que a qualidade de um vinho não se mede pelo seu preço e, por outro lado, que a relação qualidade/preço é, cada vez mais, uma imagem de marca dos vinhos do Tejo”, refere José Pinto Gaspar, presidente da Comissão Vitivinícola Regional do Tejo (CVR Tejo). Decorrida em Paris, sob a organização da Union des Oenologues de France, a 18º edição do Vinalies Internationales colocou à prova, de 2 a 6 de Março, cerca de 3900 vinhos, provenientes das mais diversas regiões vitivinícolas mundiais.

[twitter style=”vertical” float=”left”] [fbshare type=”button”] [fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”]

Pin It on Pinterest