Madeira regista níveis baixos de pólenes

No restante território continental, a Sociedade de Alergologia prevê concentrações elevadas.

Segundo a Sociedade Portuguesa de Alergologia e Imunologia Clínica (SPAIC), para esta semana, prevêem-se concentrações muito elevadas de pólen no ar atmosférico em todo o Continente.

Nos períodos de precipitação os níveis de pólen tenderão a baixar momentaneamente, mas voltarão a subir rapidamente na ausência de precipitação.

O alerta vai particularmente para os pólenes de árvores, azinheira, carvalho e pinheiro, e para os pólenes de ervas parietária e gramíneas. O pólen de gramíneas aumenta a sua expressão, com tendência para aumento dos níveis nas próximas semanas. Também a oliveira inicia o seu período principal de polinização, podendo surgir alguns grãos deste pólen em especial no Sul do País.

Na Madeira e região do Funchal, os pólenes encontram-se em níveis baixos, com destaque para os pólenes de gramíneas, erva parietária, cipreste, eucalipto e plátano, sendo esperadas concentrações baixas para estes pólenes.

[fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”] [fbshare type=”button”]

Pin It on Pinterest