CDS apela aos madeirenses a mudarem gestão autárquica

José Manuel Rodrigues quer câmaras onde o dinheiro seja bem gerido, e a mudança pode ser feita já nas eleições autárquicas de 2013.

O grupo parlamentar do CDS/Madeira esteve esta tarde no concelho de Santa Cruz onde reuniu com o Movimento Juntos pelo Povo. À saída do encontro o líder dos democratas-cristãos, José Manuel Rodrigues falou sobre a situação financeira do município de Santa Cruz a qual considerou “gravíssima”. O deputado centrista lembrou que a dívida da autarquia santacruzense ascende os 43 milhões de euros, sendo que só em juros de mora o valor chega a seis milhões de euros. “Isto é a demonstração de que o PSD não só faliu a Madeira como está a falir todos os concelhos da Madeira”, alertou.

José Manuel Rodrigues afirmou que é bom que os madeirenses saibam e as pessoas que vivem em Santa Cruz que “é tempo de mudar esta gestão regional e a gestão autárquica”, referindo-se já às eleições autárquicas do próximo ano.

“Temos de ter câmaras municipais onde o dinheiro seja bem gerido, onde as dívidas não atinjam estas proporções, dívidas a privados, privados que depois vão à falência, empresas que depois têm de despedir e depois as câmaras municipais têm de arranjar receitas e aumentando as taxas municipais para valores que os cidadão não podem pagar”, frisou.

Rodrigues referiu ainda que o seu partido está “em sintonia com o Movimento Juntos pelo Povo na necessidade de haver uma mudança política na gestão da Câmara de Santa Cruz Ppara que não se assista a este regabofe financeiro dos últimos anos, neste concelho, que lançou a dívida de Santa cruz para 43 milhões de euros”, vincou.

[fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”][fbshare type=”button”] [twitter style=”vertical” float=”left”]

 

Pin It on Pinterest