Banco Alimentar Contra a Fome chega à Região

Isabel Jonet estará amanhã na celebração do contrato de utilização da marca e sinais distintivos “Banco Alimentar”.

O Banco Alimentar Contra a Fome inicia atividade na Madeira a partir de amanhã com a celebração do contrato de utilização da marca e sinais distintivos “Banco Alimentar” entre a Associação Mão Solidária – Associação de Apoio à Distribuição Alimentar na RAM e a Federação Portuguesa dos Bancos Alimentares contra a Fome.

A cerimónia decorre amanhã, às 18h00, na sede da associação, na Rampa da Quinta do Leme, 14, Santo António, Funchal, e contará com a presença da presidente da Federação Portuguesa dos Bancos Alimentares, Isabel Jonet e do presidente do Governo Regional, de voluntários, IPSS’s, empresas e demais entidades.

O grupo de voluntários liderados por Maria de Fátima Aveiro Freitas que, desde há dois anos, tem vindo a ser acompanhado e formado pela Federação Portuguesa de Bancos Alimentares e que abre agora o 20º Banco Alimentar Contra a Fome português, desta feita na Madeira, pretende vir a prestar apoio alimentar de forma gradual a toda a Região Autónoma, trabalhando em rede como é o modelo habitual com instituições de solidariedade social, conferências vicentinas e outras associações sem fins lucrativos locais que, por sua vez, entregarão os alimentos às pessoas mais necessitadas sob a forma de refeições ou de cabazes.

De salientar que estão atualmente, em atividade, 19 Bancos Alimentares Contra a Fome nas regiões de Lisboa, Porto, Coimbra, Évora, Aveiro, Abrantes, Setúbal, São Miguel, Cova da Beira, Leiria-Fátima, Oeste, Algarve, Portalegre, Braga, Santarém, Viseu, Viana do Castelo, Terceira e Beja. De acordo com os dados da Federação Portuguesa dos Bancos Alimentares contra a Fome, estão a ser apoiadas mais de 2 100 instituições, que concederam ajuda alimentar a mais de 332 mil pessoas comprovadamente carenciadas, tendo sido distribuído um total de 30.252 toneladas de alimentos (equivalentes a um valor global estimado superior a 42,352 milhões de euros), ou seja, um movimento médio de 121 toneladas por dia útil.

 [fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”] [fbshare type=”button”] [fbshare]

Pin It on Pinterest