Quinta do Martelo distinguida

A unidade de turismo em espaço rural “Quinta do Martelo – Centro Etnográfico e Gastronómico”, acaba de ser distinguida com o galardão “Miosótis Azores – Alojamentos Verdes.

Instituído pela primeira vez este ano pelo Governo Regional, o galardão destina-se a premiar os “bons comportamentos ambientais” em alojamentos turísticos regionais.

O “Miosótis”, nome de uma planta endémica açoriana vulgarmente conhecida por “não-me-esqueças”, premeia desde um desempenho ambiental básico, atribuindo uma flor miosótis, até à excelência, com cinco dessas flores, como foi o caso da Quinta do Martelo, uma das três unidades a nível regional, entre 17 galardoadas, a merecer a distinção máxima.

Poupança e preservação de recursos naturais, formação e informação comuns e divulgação são os três pilares principais deste galardão, cuja atribuição é precedida de vistoria aos itens previstos no regulamento.

A “Quinta do Martelo” é pioneira no turismo em espaço rural nos Açores, tendo, ao longo de mais de 20 anos, sido reconhecida por diversas instâncias nacionais e internacionais como um caso de êxito na articulação entre a exploração comercial turística e a preservação escrupulosa da tradição, do ambiente e da verdade cultural e etnográfica do meio em que nasceu.

[twitter style=”vertical” float=”left”] [fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”]

Pin It on Pinterest