Montado da esperança terá área florestal modelo

O Governo Regional, através da Secretaria Regional do Ambiente e Recursos Naturais, irá desenvolver um projeto florestal, que pretende ser modular e estruturante na zona florestal do concelho do Funchal.

Numa área com aproximadamente 25 hectares, o governo “quer demonstrar” aos proprietários que possuem os seus terrenos florestais abandonados, que “é possível reverter a ausência de gestão florestal”, criando um coberto de espécies folhosas com maior resistência ao fogo e com menos probabilidade de arderem, tal como indica o Plano Regional de Ordenamento Florestal.
A Secretaria do Ambiente, através do Instituto de Florestas e Conservação da Natureza, estará disponível para fornecer aconselhamento técnico aos proprietários interessados na reconversão, assim como na candidatura a fundos europeus disponíveis para o efeito.
Este projeto será levado a cabo na freguesia de São Roque, na zona da Esperança, na única área sob gestão do Governo Regional, no concelho do Funchal, que ainda possui este tipo de coberto florestal a recuperar.
Com este projeto, a área no Montado da Esperança ocupada por acácia, eucalipto e mato será objeto de reconversão e florestação com espécies florestais que acrescentam valor e reduzem significativamente o risco de incêndio. A Secretaria do Ambiente pretende plantar espécies folhosas, essencialmente indígenas, que devido ao grau de água retido pelas folhas, e à ausência de substâncias resinosas no seu lenho, possuem maior resistência ao fogo.
Por outro lado, a introdução de um leque variado de espécies, como serão o barbuzano, o loureiro, o til, o vinhático ou mesmo os castanheiros e nogueiras, permitirão ao nível do solo a constituição de um sistema radicular diferenciado, estratificado e profundo, que confere muito maior proteção em caso de fenómenos extremos de precipitação.

Pin It on Pinterest