Acções de sensibilização em aplicação de produtos fitofarmacêuticos

A Secretaria Regional de Agricultura e Pescas (SRAP) informa que já começou o segundo período das ações de sensibilização em Aplicação de Produtos Fitofarmacêuticos. Todos os agricultores que desejem frequentar estas formações podem fazê-lo através do site da secretaria ou se dirigir à Direção Regional de Agricultura (Edifício Golden – Funchal).

Na primeira fase foram realizadas 178 acções que foram frequentadas por 4144 agricultores.

“O agricultor ao frequentar e ter aproveitamento na Ação de Sensibilização em Aplicação de Produtos Fitofarmacêuticos (duração de 4 horas), pode continuar a comprar/aplicar produtos fitofarmacêuticos. Esta habilitação é provisória por 2 anos.

O agricultor, depois de 31/12/2018 só poderá comprar/aplicar produtos fitofarmacêuticos se tiver frequentado e obtido aproveitamento na formação específica (35 horas)”, aponta a SRAP.

As ações de formação terão lugar em várias freguesias da Região.

Ficam dispensado de fazer formação:

– Os utilizadores não profissionais, isto é, o público em geral a quem é permitido manusear e aplicar produtos fitofarmacêuticos em ambiente doméstico (plantas de interior, hortas e jardins familiares), bem como os agricultores de autoconsumo (com explorações com menos de 500m2) e os detentores de hortas urbanas que apenas utilizem produtos fitofarmacêuticos para uso não profissional.

– O Aplicador que tiver formação Superior (licenciatura, bacharelato, doutoramento, etc.) na Área Agrícola ou formação Técnico-profissional também na Área Agrícola fica dispensado da formação e poderá pedir o Cartão de Aplicador de PF diretamente nos serviços da Direção Regional de Agricultura (Núcleo de Produtos Fitofarmacêuticos), para tal terá que apresentar cópia do documento comprovativo da sua habilitação académica.

Através do site da Secretaria Regional de Agricultura e Pescas (www.madeira.gov.pt/srap) é possível proceder à inscrição para “Aplicação de Produtos Fitofarmacêuticos”.

Pin It on Pinterest