Governo aposta na produção de Material Vegetativo Vitícola

A Secretaria Regional de Agricultura e Pescas, através do Instituto do Vinho, do Bordado e Artesanato da Madeira (IVBAM), está a desenvolver um conjunto de iniciativas com o objetivo de aumentar a produção regional de material vegetativo das castas tradicionais de Vinho Madeira, nomeadamente das castas verdelho, sercial, malvasia e terrantez.

Com efeito e no âmbito dos projetos de reconversão das vinhas e das novas plantações, a procura de material vegetativo das castas brancas para vinho Madeira (garfos e porta enxertos) “tem vindo a aumentar” por parte dos viticultores madeirenses, castas estas, que na sua maioria, tem pouca expressão no continente português, o que leva a que haja uma fraca apetência dos viveiristas nacionais para produção das respetivas plantas.

Neste contexto, e não existindo mais nenhum viveirista regional de material vegetativo vitícola na Região, o IVBAM tem vindo a desenvolver iniciativas que visam garantir a produção de material vitícola certificado, para posterior fornecimento aos viticultores, nomeadamente: Desenvolvimento de infraestruturas (designadas de “ABRIGO”) e o Estabelecimento de Protocolos com Viticultores;

Pin It on Pinterest

Advertisment ad adsense adlogger