Exercício naval conjunto entre a Marinha Portuguesa e a NATO

A fragata Bartolomeu Dias, da Marinha Portuguesa, realizou entre os dias 31 de outubro e 1 de novembro um exercício naval de oportunidade com a Força Naval de Reação da NATO – Standing NATO Maritime Group 1 (SNMG1), que navega por estes dias em águas nacionais rumo a norte.

A SNMG1 é uma das quatro Forças NATO que garantem a manutenção de uma capacidade marítima permanente da Aliança, para ser empregue quer em operações estritamente militares, quer noutras relevantes atividades, tanto em tempo de paz como em períodos de crise ou de conflitos.

Esta interação permitiu treinar as guarnições nas áreas clássicas das operações navais, assim como na vertente das comunicações táticas, de procedimentos a nível de guerra eletrónica, e ainda, entre outros, no adestramento em manobras para reabastecimento no mar, num exercício para cimentar a elevada interoperabilidade entre unidades navais da Organização do Tratado do Atlântico Norte.

A SNMG1 é atualmente constituída por cinco navios, nomeadamente pela fragata espanhola Almirante Juan de Borbon (navio almirante), por um contratorpedeiro britânico da Royal Navy, por uma corveta e por um reabastecedor de esquadra alemães e, ainda pela fragata Álvares Cabral da Marinha Portuguesa.

Pin It on Pinterest