Bolo de mel gigante na Rua da Carreira

No próximo dia 10 de Dezembro a junta de Freguesia de São Pedro irá, pela terceira vez, fazer um bolo mel gigante, na Rua da Carreira. No primeiro ano, conseguiu-se apoios para um bolo de mel com 8,34 metros. No segundo ano o bolo atingiu os 33 metros, Este ano está previsto um bolo de mel gigante com 40 metros. Desde o ano passado que o executivo da junta decidiu que a realização deste evento seria sempre no segundo sábado do mês de Dezembro, por ser a altura em que antigamente era amassado o bolo que seria cozido nos dias próximos ao dia de festa. Com a introdução das leveduras, esse tempo reduziu-se para meia dúzia de horas. As duas primeiras semanas de Dezembro são as semanas mais fracas para o comércio no Funchal, sendo mais este um motivo para a realização deste evento, que pretende dinamizar o comércio nas ruas da carreira, rua da moraria, rua das pretas e rua do surdo.

“Temos verificado que o comércio tem melhorado, nesta zona de São Pedro, ao longo destes três anos. Mas além da dinâmica criada, pretende, também, este evento contar um pouco da história do Bolo de mel madeirense e promover um doce conventual que, segundo, reza a história foi criado no convento de Santa Clara, no século XV. As irmãs franciscanas, com o seu engenho e arte produziram esta doçaria aproveitando o melaço de cana que existia em abundância e o mais barato.

Entre muitos doces conventuais, o Bolo de mel é uma das doçarias mais apreciadas. E a sua produção continua a crescer na nossa região. Acreditamos, que este evento se tornará no evento de referência, não só pela adesão dos madeirenses como dos turistas”, afirmou António Gomes, Presidente da Junta de Freguesia de São Pedro.

Os empresários madeirenses e muitos particulares têm colaborado e apoiado esta festa.

O ponto alto desta festa é o partir do bolo que será por volta das 18:30, que será servido às pessoas acompanhado com um cálice de vinho Madeira. Pelas 17 horas haverá uma romaria que transportará algumas peças de bolo desde o convento de Santa Clara até à rua da Carreira, passando pela Calçada de Santa Clara e Rua da Moraria.

“A festa do bolo de mel é uma das formas de preservarmos e divulgarmos o nosso património”, frisou.

Pin It on Pinterest