Código de Boas Práticas Comerciais para o setor agroalimentar

Pela primeira vez, as estruturas representativas do setor agroalimentar e das cadeias de distribuição, representados na plataforma de acompanhamento das relações na cadeia agroalimentar chegaram a acordo e adotaram o Código de Boas Práticas Comerciais para promover comportamentos justos e leais, que foi assinado dia 12 de dezembro, no Ministério da Economia.

«O Código aprovado atribui maior sentido de responsabilidade a cada um para que a cadeia alimentar seja mais justa e equilibrada, de forma a criar valor em toda a fileira», afirmou o Secretário de Estado da Agricultura e Alimentação, Luís Medeiros Vieira.

O Secretário de Estado Adjunto e do Comércio, Paulo Alexandre Ferreira, acrescentou que «este Código é um ponto de partida para que as partes envolvidas sejam capazes, por si, de resolver as questões que surgem, naturalmente, no quadro das suas relações económicas».

O Código associa todos os setores da cadeia de valor, desde a produção agrícola, representada pela Confederação dos Agricultores de Portugal, pela Confederação Nacional da Agricultura e pela Confederação Nacional das Cooperativas Agrícolas e do Crédito Agrícola de Portugal; a indústria agroalimentar, representada pela Confederação Empresarial de Portugal; e a distribuição representada pela Confederação do Comércio e Serviços de Portugal e pela Associação Portuguesa das Empresas de Distribuição.

Pin It on Pinterest