Banco de Portugal expressa pesar pelo falecimento do Dr. Mário Soares

“O Dr. Mário Soares, falecido no sábado, foi uma figura central da democracia portuguesa e um defensor incansável da liberdade, tanto na oposição à ditadura como na construção do regime democrático após o 25 de Abril. Ocupou os principais cargos sob a atual Constituição – Presidente da República e Primeiro-Ministro – e teve, no quadro da sua ação política, um papel fundamental na adesão de Portugal ao projeto europeu e na defesa dos seus ideais. Por tudo isto, o seu contributo para o desenvolvimento político, social e económico do país foi determinante.

O Banco de Portugal teve o privilégio de manter com o Dr. Mário Soares uma estreita colaboração, quando em 1998 aceitou presidir à comissão nomeada para estudar a questão do ouro recebido da Alemanha durante a II Guerra Mundial.

Neste momento de perda e de consternação, o Governador e os membros do Conselho de Administração do Banco de Portugal expressam à família do Dr. Mário Soares o seu mais profundo pesar.”

Pin It on Pinterest