Fuzileiros reforçam estações salva-vidas durante época de mau tempo no mar

No quadro do apoio da Marinha à Autoridade Marítima Nacional e tendo em vista o aproveitamento de sinergias e fortalecimento do dispositivo de salvamento marítimo, três equipas compostas por três fuzileiros cada irão reforçar as estações salva-vidas do Instituto de Socorros a Náufragos (ISN) da Figueira da Foz, de Viana do Castelo e de Sines. Estes fuzileiros integraram as equipas das três estações salva-vidas e iniciaram ontem as suas funções operacionais.

Esta iniciativa destina-se a reforçar a capacidade de resposta das estações salva-vidas, numa ótica de análise de risco durante uma época do ano que é mais propícia a acidentes marítimos, devido ao agravamento habitual do estado do mar. Uma solução que pretende aumentar a capacidade ao nível do salvamento marítimo, numa cultura de prevenção face à maior probabilidade de ocorrência de condições meteorológicas adversas durante este período.

Para o desempenho destas funções, os militares fuzileiros da Marinha serão enquadrados pelo pessoal das estações salva-vidas, tendo recebido formação específica no ISN, por forma a adquirirem conhecimentos e perícias de técnicas de salvamento no mar e para a condução de embarcações e meios náuticos do ISN.

Pin It on Pinterest