Congresso Português do AVC debate caminhos para o futuro

Começa amanhã, dia 2 de fevereiro, a 11.ª edição do Congresso Anual da Sociedade Portuguesa do Acidente Vascular Cerebral (SPAVC), que espera mais de 800 participantes. Avanços científicos, apresentação de trabalhos nacionais, discussão de temas controversos e abordagens multidisciplinares farão parte do programa, onde não faltará espaço para refletir sobre o futuro na área da doença vascular cerebral.

São muitos os temas que estarão em debate numa reunião que, desde a sua 1.ª edição, adotou o modelo “que todos aprendam com tudo”, não existindo sessões paralelas no programa. A conferência de abertura será dedicada ao tema “Power to end Stroke”, onde serão apontadas algumas estratégias para combater o AVC no século XXI.

O presidente da SPAVC e do Congresso, Prof. Doutor José Castro Lopes, destaca alguns temas que vêm reforçar as mensagens-chave transmitidas pela Sociedade ao longo dos anos: ““Estilos de vida na vanguarda do AVC” constitui uma sessão da maior importância porque alerta para temas tão falados e tão pouco praticados. “A importância do risco vascular na deterioração cognitiva” será uma chamada de atenção se quisermos apostar num envelhecimento saudável. “Os aspetos do tratamento da fase aguda do AVC isquémico” representam um progresso que não pode deixar de apelar a que prestem particular atenção. Finalmente, uma chamada de atenção para a sessão da reabilitação, com particular ênfase no salientar que a reabilitação pós-AVC é um direito que deve ser mantido enquanto o doente não readquirir as funções perdidas”, refere o neurologista.

Com a participação de oito convidados europeus no seu programa, o Congresso Português do AVC aposta na formação científica de excelência, incluindo ainda um curso pós-Congresso dedicado à fase aguda do AVC.

“De salientar também a crescente presença de jovens especialistas e estudantes nos nossos Congressos, que muito contribuirá para a valorização no combate à primeira causa de mortalidade em Portugal e de envelhecimento não saudável”, frisa o Prof. Doutor José Castro Lopes.

Complementando o Congresso, mas de entrada livre a toda a população interessada, a SPAVC volta a promover uma sessão de informação dirigida ao público em geral. A sessão acontece no dia 4 de fevereiro, pelas 15H30, no auditório onde decorrerá o Congresso, no Hotel Sheraton, no Porto.

A SPAVC tem vindo a dinamizar, na página de Facebook criada para o evento, conteúdos de anúncio às sessões científicas que marcarão mais uma edição do Congresso Português do AVC, e que podem ser visualizadas AQUI. À semelhança dos congressos anteriores, o 11.º Congresso Português do AVC conta com o patrocínio científico da European Stroke Organization, da World Stroke Organization e da Ordem dos Médicos Portugueses.

Pin It on Pinterest