Assembleia da República vai dar voz a crianças e jovens de todo o país

Os deputados da Assembleia da República vão ouvir, a 10 de maio, as opiniões de crianças e jovens de todo o país sobre aquilo que desejam para Portugal e para o planeta. Em destaque estarão temas como o desenvolvimento pessoal, a relação com os outros, a relação com a comunidade e a relação com o planeta. Este é o culminar de um processo participativo que está a decorrer desde 22 abril e no qual todas as escolas e outras entidades de Portugal que trabalham com crianças e jovens, foram convidadas a participar.

A Assembleia Nacional de Crianças e Jovens que decorre durante a manhã envolve não somente as crianças e jovens presentes nesse dia, mas diversas outras escolas, associações e organizações que trabalham com os mais jovens, e que aceitaram o desafio de os pôr a refletir sobre um futuro que cuide da Casa Comum. Todas as conclusões a que chegaram e ideias concretas que tiveram serão apresentadas neste dia aos deputados presentes e convidados, que terão também oportunidade de se pronunciar sobre elas, num esforço conjunto de melhoria do país e planeta.

Para Sara Rodi, escritora e corresponsável pela organização da Assembleia Nacional, “esta é uma oportunidade de ouro para que as crianças e jovens portugueses possam mostrar que têm ideias e opiniões muito concretas sobre o futuro do país e do planeta e é uma grande felicidade que a Assembleia da República lhes dedique uma manhã, para que a sua voz seja ouvida”.

A iniciativa acontece no âmbito do Fórum Terra, um projeto dedicado ao tema “Portugal a Cuidar da Casa Comum”, que decorre até 22 de maio, com iniciativas em diversos pontos do país.

A Assembleia Nacional de Crianças e Jovens é promovida pela Associação Fazedores de Mudança; Movimento Por Uma Escola Diferente; Cooperativa Horas de Sonho, com o apoio de João Sem Medo – Comunidade de Empreendedores Evolucionários; e contou com o apoio do Conselho Nacional de Juventude, CNE, IPDJ/Plano Nacional de Ética no Desporto e Programa Escolhas.

No decorrer da Assembleia Nacional será ultimada a Carta Aberta de Crianças e Jovens que será entregue a todos os líderes políticos, institucionais e religiosos do nosso país.

 

Pin It on Pinterest