Equipa de golfe inclusiva chega ao Funchal

Depois do sucesso e da evolução positiva da Equipa de Golfe S. João de Deus, constituída por utentes da Casa de Saúde do Telhal, do Instituto S. João de Deus, a iniciativa da Fundação S. João de Deus viaja até à Madeira. Mais precisamente até ao Funchal onde oito utentes da Casa de Saúde S. João de Deus, do Instituto S. João de Deus, se mostraram interessados e após um pequeno torneio de seleção com um grupo de dezasseis utentes, reuniram os requisitos necessários para a prática da modalidade. Os treinos, decorrerão sob a orientação de Edgar Rodrigues, vão começar no próximo dia 23 e decorrerão no Campo do Palheiro Golfe, parceiro fundamental desta iniciativa que é também acompanhada pela Federação Portuguesa de Golfe.

A Fundação S. João de Deus sabe, e a primeira experiência de vários meses de treino no Centro de Formação do Jamor já o provou, que jogar golfe melhora não só a saúde física, mas também a saúde mental. Essas são, aliás, as conclusões de um estudo desenvolvido por investigadores da Universidade de Edimburgo. Andrew Murray, líder desta investigação, diz até que “a atividade física moderada proporcionada pelo golfe aumenta a esperança média de vida, traz benefícios para a saúde mental e pode ajudar a prevenir e a tratar mais de quarenta doenças crónicas tais como ataque cardíaco, derrame, diabetes, cancro da mama e do cólon”. Nesse sentido, sempre pensando no bem-estar dos utentes assistidos nas casas de saúde do Instituto S. João de Deus, a Fundação S. João de Deus articulou-se com a Casa de Saúde do Telhal, em Sintra, para criar uma primeira equipa-piloto e agora num segundo momento, comprovado o sucesso, com a Casa de Saúde S. João de Deus, no Funchal, para criar uma primeira equipa de golfe, com estas características, na Madeira.

A equipa vai ser constituída por agora por oito jogadores, todos eles acompanhados na Casa de Saúde S. João de Deus, com a destreza necessária para dar umas tacadas e com grande possibilidade de evoluir neste campo, a visitar semanalmente o Campo do Palheiro Golfe.

Depois de uma ação de sensibilização para a prática de golfe em que participaram mais de 30 utentes da casa de saúde, foram selecionados aqueles que demonstraram ter mais interesse e aqueles para quem esta atividade será uma mais valia no sentido de potenciar a sua recuperação.

Tal como salienta o estudo da Universidade de Edimburgo publicado em Abril de 2016, sabemos que o golfe é um dos melhores desportos para a promoção do significado de saúde definido pela Organização Mundial de Saúde: “um estado de completo bem-estar físico, mental e social e não apenas a ausência de doença ou enfermidade”.

A prática deste desporto, em grupo e no meio de grandes campos bem verdes e rodeados de natureza, promove as interações sociais positivas cruciais para a melhoria de problemas do foro mental e estão também provados os seus benefícios ao nível da auto-estima e da redução de stress. Além disso, para que a bola caia no buraco é necessário foco e concentração o que significa que mais dificilmente o indivíduo possa dispersar em pensamentos negativos e stressantes. A primeira aula é já no próximo dia 23 de Janeiro, às 14 horas, no Campo Palheiro Golfe.

Pin It on Pinterest

Advertisment ad adsense adlogger