CDS preocupado com despedimentos nas farmácias

Devido aos tempos de crise algumas das farmácias da Região estão a despedir pessoal.

O grupo parlamentar do CDS/PP reuniu-se, esta manhã, com a direção da secção regional da Madeira da Ordem dos Farmacêuticos, no sentido de discutir assuntos ligados ao sector nos últimos tempos.

No final do encontro, Martinho Câmara transmitiu aos jornalistas que as farmácias da Região passam, neste momento, por algumas dificuldades, nomeadamente devido ao abaixamento do preço dos medicamentos. “A partir de Janeiro vai entrar em vigor uma nova lei que ainda vai ´esmagar´ mais os preços, o irá causar grandes dificuldades à sobrevivência das farmácias”, apontou.

O deputado do CDS mostrou-se  ainda preocupado com alguns despedimentos que estão a acontecer nas farmácias, referindo que “é uma situação nova que não vinha a acontecer há décadas”.

“As farmácias fizeram avultados investimentos, têm grandes responsabilidades com os trabalhadores e com a sociedade a nível de cuidados de saúde, os quais podem estar em questão devido à saída de quadros”, alertou Martinho Câmara.

O CDS também congratulou-se pelo facto do responsável pela Ordem dos Farmacêuticos  apoiar a proposta que o partido vai apresentar no parlamento regional relativamente à prescrição eletrónica de medicamentos.

“Nesta reunião também ficamos a saber que os compromissos assumidos pelo Governo Regional a nível de pagamentos às farmácias relativos à fatura de pagamentos tem sido cumprido”, concluiu Martinho Câmara.

[fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”]

[fbshare type=”button”]

[twitter style=”vertical” float=”left”]

Pin It on Pinterest