Rádio PTP “vai fugir” ao controlo jardinista

Coelho propõe uma informação isenta, que não se submeta às orientações do Governo Regional.

O Partido Trabalhista Português anunciou ontem a criação da Rádio PTP. O objetivo, conforme explicou José Manuel Coelho, é fugir ao controlo que o Governo Regional do PSD tem sobre a informação.

“Em alguns órgãos de comunicação os diretores são pessoas próximas do poder laranja e condicionam a informação. Não dão voz à oposição e quando dão as notícias dos partidos na oposição é para realçar os aspetos negativos, para apontar as ‘gaffes’”.

E, neste sentido, a criação de uma informação isenta, de uma rádio na qual os jornalistas possam expor as suas orientações sem medo de outras represálias. “Queremos abrir os olhos dos madeirenses para a informação que os outros ocultam”.

Em declarações ao Cidade Net, o deputado trabalhista acrescenta ainda que a Rádio PTP, que vai para o ar ainda este mês de Dezembro, vai ser transmitida na internet e em onda curta, numa frequência a designar.

“Os nossos técnicos estão a tratar dos pormenores, mas está quase tudo acertado. Vamos ter informação não só sobre a política, mas sobre a educação, a saúde e o desporto. E queremos convidar vários especialistas para desenvolver estes temas”.

O projeto que agora surge só é possível dada a autonomia financeira do Partido Trabalhista Português que, nas últimas eleições regionais de Outubro, conseguiu um grupo parlamentar com três deputados.

José Manuel Coelho mostra-se confiante no trabalho a ser desenvolvido pela Rádio PTP. “As pessoas estão fartas do jardinismo. Mesmo no PSD vejo que há muitas pessoas insatisfeitas e acredito que também vão participar”.

[fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”]

[fbshare type=”button”]

[twitter style=”vertical” float=”left”]


PUB