Ligação é importante para a Região

O MPT acompanha com preocupação a possível saída do Naviera Armas da Região.

Hoje em conferência de imprensa, Roberto Vieira realçou que a entrada do ferryboat na Madeira foi uma mais-valia, uma vez que constitui uma alternativa a nível de transporte  de pessoas e bens para o continente, sendo que os preços praticados são notoriamente menores.

O deputado do MPT referiu, ainda, que a ligação marítima entre o Funchal e Portimão permite também o transporte de bens a um preço muito mais acessível. “Ao irem aos supermercados os madeirenses constataram que, após a vinda da Naviera Armas, os preços desceram de forma significativa”, sublinhou.

Roberto Vieira frisou, igualmente, que os produtores madeirenses também utilizam os serviços do referido ferryboat para exportar os seus produtos para o continente português. “Há muitos agricultores na Região que produzem para comercializar. Se o navio Armas deixar de fazer ligação na Madeira os agricultores vão estar a trabalhar para nada”, observa.

Desta forma, o deputado do MPT apela ao Governo Regional que “mantenha uma negociação firme”, no sentido da ligação do Naviera Armas continuar a ser assegurada.

[fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”]

[fbshare type=”button”]

[twitter style=”vertical” float=”left”]

Pin It on Pinterest