CDS defende monitorização do SESARAM

Os centristas recordam que ‘a boa governação implica transparência, implica sempre uma política de portas abertas’.

O CDS apresentou na Assembleia Legislativa da Madeira um projeto de resolução que propõe que o SESARAM adote “as boas práticas” de monitorização já em vigor no continente, através do Ministério da Saúde.

Deverão ser divulgadas mensalmente todos os indicadores de produtividade, bem como da qualidade de assistência aos doentes. Devem ser divulgadas as listas de espera para as diferentes áreas da saúde regional, bem como o total de dívida acumulada pelo SESARAM”, apontou Mário Pereira, ao principio da tarde em conferência de imprensa.

Na opinião do deputado do CDS/PP, a referida monitorização permitirá um estímulo à melhoria de cuidados existenciais, uma melhor gestão dos “parcos” recursos financeiros existentes e, por sua vez, uma “responsabilização séria” dos gestores.

Todos sabemos que para se evitar a especulação os cidadãos têm de conhecer os dados de forma clara e atempada para fazerem um correto julgamento”, concluiu Mário Pereira.

[fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”] [fbshare type=”button”] [twitter style=”vertical” float=”left”]

Pin It on Pinterest