Santana ‘Município da UNESCO’

O concelho recebeu hoje oficialmente o certificado de Reserva Mundial “Santana Madeira Biosfera”.

O referido certificado foi entregue a Rui Moisés pelo representante da UNESCO, Miguel Clusener Godt, numa cerimónia que teve lugar no salão nobre da Câmara Municipal de Santana.

Na ocasião, o presidente da Câmara Municipal de Santana (CMS) traçou o historial da candidatura do Município a Rede Mundial da Biosfera, agradecendo ao Governo Regional pelo apoio prestado.
“Se não fosse o apoio do governo não tínhamos nem os meios técnicos nem os meios financeiros para desenvolver uma candidatura desta envergadura”, sublinhou.

Rui Moisés destacou ainda que o título de Reserva Mundial da Biosfera pertence a toda Região, realçando que o mesmo constitui mais um instrumento para promover o turismo e a economia regional.

Neste sentido, o edil frisou que está em curso a revisão do PDM de Santana. “Uma das medidas que vamos implementar é a recuperação de casas degradadas, tendo em vista apostar no turismo de habitação”, apontou.

Presente na cerimónia, o presidente do Governo Regional destacou o empenho do autarca de Santana em prol do desenvolvimento do concelho, referindo que o “mesmo tem muito trabalho pela frente”, o que significa que, em 2013, irá ser recandidato à presidência da câmara.

Alberto João Jardim defendeu, ainda, que é necessário escolher-se os parceiros para a Região continuar no caminho do desenvolvimento sustentável em sintonia com a conservação da natureza, salientando que a Universidade da Madeira poderá “dar um contributo importante”.

O governante defendeu, ainda, que é crucial a Madeira seguir as orientações da UNESCO relativas à estratégia de desenvolvimento económico em parceria com a conservação da natureza sustentável.

No final da cerimónia de entrega do certificado, o presidente da Assembleia Municipal de Santana e também presidente da Assembleia Legislativa da Madeira, Miguel Mendonça, entregou a Miguel Clusener Godt, MaB da UNESCO, a Medalha Honorífica da Cidade de Santana.

A referida destinarão deveu-se à colaboração do representante da UNESCO em relação à candidatura de Santana a Reserva Mundial da Biosfera. Registe-se que Miguel Godt foi o primeiro cidadão estrangeiro a receber a referida distinção.

Após a cerimónia de entrega do certificado teve lugar, junto à Igreja Matriz de Santana, a inauguração do Monumento alusivo à Biosfera, da autoria do escultor Luís Paixão.

[fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”] [fbshare type=”button”] [twitter style=”vertical” float=”left”]

Pin It on Pinterest