Mercado das ‘motas’ em queda

O mercado de ciclomotores, motociclos e quadriciclos registou em Março um decréscimo nas vendas de 17,8%.

O mercado de veículos de duas rodas e de quadriciclos novos registou, em Março de 2012, um decréscimo de 17,8%, face ao mês homólogo do ano anterior, tendo sido vendidas 1.861 unidades em Portugal.

Verificou-se uma queda das vendas em todos os segmentos, nomeadamente: os motociclos de cilindrada superior a 50cc tiveram uma quebra de 12,3%, os Ciclomotores e Motociclos até 50cc tiveram uma significativa baixa de 28,1% e os Quadriciclos registaram, igualmente, uma forte queda que se cifrou em 39,9%. Em termos acumulados, no primeiro trimestre de 2012 as vendas caíram 19,7%, face ao período homólogo do ano anterior, tendo sido comercializadas 4.363 unidades.

Fazendo-se uma análise por segmentos, observou-se que, no mês de Março, o mercado de veículos de duas rodas (motociclos e ciclomotores) atingiu 1.704 unidades, o que representou um decréscimo de 14,9%, face a igual mês de 2011. Em termos acumulados, no primeiro trimestre de 2012, estas vendas baixaram 14,8%, face ao período homólogo do ano anterior, tendo sido comercializadas 3.980 unidades.

Por sua vez, os motociclos de cilindrada superior a 50cc registaram, em Março de 2012, um total de 1.471 unidades comercializadas, o que representou um decréscimo de 12,3%, face ao mês homólogo de 2011. Quanto às vendas acumuladas, no primeiro trimestre de 2012 atingiram 3.332 unidades o que representou um decréscimo de 13,7%.

Já os ciclomotores e motociclos de cilindrada igual ou inferior a 50cc registaram, no referido mês, um total de 233 unidades comercializadas, o que representou um acentuado decréscimo de 28,1%, face ao mês homólogo de 2011. Em termos acumulados, no primeiro trimestre de 2012, a venda destes veículos atingiu 648 unidades, ou seja, registou-se uma queda de 20%, em relação ao período homólogo de 2011.

No que concerne ao mercado de quadriciclos registou-se 157 unidades vendidas em Março de 2012, o que representou uma forte queda de 39,9%, face a idêntico mês de 2011. Em termos acumulados, no primeiro trimestre de 2012 a venda de quadriciclos registou uma evolução fortemente negativa de 49,7%, em relação ao período homólogo de 2011, tendo sido comercializados 383 veículos.

[fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”] [fbshare type=”button”] [twitter style=”vertical” float=”left”]

Pin It on Pinterest