Jardim de endémicas na ETRS

Amanhã de manhã, a Estação de Tratamento de Resíduos Sólidos (ETRS) da Ilha de São Miguel será palco da criação de um jardim de plantas lenhosas endémicas dos Açores.

Esta é uma iniciativa conjunta da Associação de Municípios da Ilha de São Miguel e da Direção Regional dos Recursos Florestais que contará com cerca de 20 voluntários.

Este jardim ter por objectivo dar a conhecer a todos os visitantes da ETRS uma parte do património ambiental da ilha de São Miguel, proposta por esta entidade da Secretaria Regional do Ambiente e Mar em parceria com a AMISM.

Com vista à preservação do ambiente, a criação do jardim de plantas lenhosas endémicas dos Açores vem reforçar a ação da AMISM enquanto entidade gestora de resíduos que tem como objectivo a conservação da natureza, embelezando o espaço onde desenvolve a sua principal atividade com uma atitude pedagógica que vem assumindo desde 2003.

A Direção Regional dos Recursos Florestais cederá cerca de duas centenas de plantas bem como o apoio técnico na sua plantação, enquanto a AMISM disponibiliza a área para cultivo e manutenção do jardim que constará do roteiro das visitas guiadas à ETRS.

[twitter style=”vertical” float=”left”] [fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”] [fbshare type=”button”]

Pin It on Pinterest