CDS acusa PSD/M de autismo

Em causa o Plano de Emergência Social apresentado ontem pelo Governo Regional.

O deputado do CDS/PP, Teófilo Cunha, afirmou hoje, no Porto Moniz que o PSD/Madeira andou a fazer perder tempo aos madeirenses e acusou os sociais-democratas de autismo. O parlamentar centralista referia-se ao Plano de Emergência Social apresentado ontem pelo Governo Regional.

“Infelizmente, o autismo habitual do PSD/M fez-nos perder quatro meses. Porquê? Por mero autismo político. Pela habitual falta de respeito pelas propostas das oposições. Porque a teimosia daqueles que querem manter o poder a todo o custo conduz a uma cegueira que a todos prejudica”, lamentou.

Teófilo Cunha lembrou que o CDS propôs, em janeiro de 2012, na Assembleia Legislativa Regional, a adaptação à Região do Plano de Emergência Social de forma a combater eficazmente o problema do aumento da pobreza, relacionado com a crise económica, “financeira e social que a desastrada governação do PSD provocou e na altura o PSD recusou a proposta alegando que tal não seria necessário”.  

 [fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”] [fbshare type=”button”] [twitter style=”vertical” float=”left”]


PUB