Longe da vista longe da reacção…

Isso não me interessa e não vale a pena fazer alguma coisa!”… É uma frase muitas vezes repetida pelos jovens, quando questionados sobre os destinos da sua terra ou do seu país. Distanciam-se, encarando a actualidade política como se de uma dimensão paralela se tratasse. Na sua vivência consciente demonstram dificuldades em perspectivar que os acontecimentos quotidianos têm de facto impacto na sua vida. Esquecem-se que, mais tarde ou mais cedo, serão adultos à procura de um porto seguro, que irão partir em busca da realização própria das suas necessidades. Impavidamente desistem de viver a sua responsabilidade cívica, acomodando-se a uma realidade que lhes acalme as suas angústias. Não se preocupam com as decisões de um grupo mais restrito que invoca em vão a palavra para servir os seus próprios interesses.

O papel de uma Juventude, que se diz política, deverá passar pela desmistificação da “predestinação”. Os jovens não deverão apenas reagir quando a crise lhes bate à porta, ou quando mete a mão nas carteiras dos pais ou nos bolsos das suas ‘jeans’. Como cidadãos de plenas capacidades, deverão ser, em primeira mão, motivados para pensarem pelas suas próprias cabeças. Uma juventude política deverá contribuir para o alargamento desses horizontes, proporcionando uma visão periférica da realidade, incentivando ao conhecimento da realidade envolvente e na promoção da gestão e resolução dos seus problemas. Uma Juventude Política deverá ser capaz de lutar por uma Juventude pró-activa, que seja efectivamente capaz contribuir para a sociedade civil, que coloque a “política” ao serviço da população e não a coloque refém de promessas de cargos futuros.

Neste sentido, é preciso fazer entender aos mais jovens (e não só) que privilegiar a qualidade e a meritocracia, evitando “atalhos” que em nada contribuem para um percurso sólido e honesto, não é caminho de burros mas sim a auto-estrada para o reconhecimento social. Ser capa de revista nem sempre é uma dádiva, como bem sabemos. Mas é o que ganha quando se troca a coluna por promoções… 

[twitter style=”vertical” float=”left”] [fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”] [fbshare type=”button”]

Pin It on Pinterest