Estado social à prova [VÍDEO]

Decorre, hoje e amanhã, em Câmara de Lobos, as IV Jornadas de Serviço Social da Região Autónoma da Madeira.

Está a decorrer, na Casa da Cultura de Câmara de Lobos, as IV Jornadas de Serviço Social da Região Autónoma da Madeira, subordinadas ao tema: ‘Intervenção Social em Cenários de Crise e Catástrofe’.

O secretário dos Assuntos Sociais, Francisco Jardim Ramos, considerou que, no momento de dificuldades económicas e financeiras que atravessamos, o papel destes profissionais ganha ainda maior relevância. “Os tempos que vivemos não são fáceis e ameaçam duramente as funções sociais que cabem ao Estado”.

Ainda assim, apesar do esforço suplementar que é pedido as todas as entidades públicas e privadas, a Região vai continuar a apostar numa rede de apoio social integrada que começa pela Segurança Social, mas que é transversal a todas as áreas, desde a Proteção Civil, ao Emprego, à Educação e à Economia.

“É impensável, por maior que seja a obsessão pelo rigor financeiro, optar por caminhos que ponham em causa os níveis de proteção social aos elementos mais vulneráveis da sociedade. Desde o início da Autonomia, assumimos o Estado Social como um dos princípios orientadores da ação governativa do Governo Regional da Madeira e este permanecerá intocável, enquanto formos Governo nesta Região”.

Francisco Jardim Ramos disse ainda, a propósito do tema das IV Jornadas, que é primordial importância a intervenção psicológica na crise, contemplando todas as valências e técnicas psicossociais. “E, quanto mais cedo a vítima for abordada, diagnosticada e tratada, melhor será o prognóstico a longo prazo e menores serão com certeza as sequelas psicológicas”.

O presidente da delegação regional da Associação dos Profissionais de Serviço Social, referiu, por sua vez, que aquilo que será desejável é que o número de assistentes sociais possa crescer nas diferentes áreas de intervenção. “Não só é necessário intervir nas situações de crise, nas situações de emergência, mas também ao nível da prevenção. Esta é sempre uma área que deve ser privilegiada”.

[fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”] [fbshare type=”button”]

Pin It on Pinterest