CDU diz que funcionários públicos foram “roubados”

Pelo Estado central que lhes cortou o subsídio de férias e se prepara para cortar o subsídio de Natal.

A CDU/Madeira realizou esta tarde uma iniciativa política junto ao edifício da secretária da Educação para lembrar que os “funcionários públicos foram roubados” pelo Governo da República com o corte, neste mês de junho, do subsídio de férias. Leonel Nunes, dirigente comunista e porta voz da iniciativa lamentou ainda o facto de os cortes não ficarem por aqui porque em dezembro, uma vez mais, os trabalhadores da administração pública ficarão sem subsídio de Natal.

 [fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”] [fblike] [twitter style=”vertical” float=”left”]

Pin It on Pinterest