Família ‘Ramos’ processa Carlos Pereira

Em causa está o facto do deputado do PS ter “ter proferido acusações injuriosas e difamatórias” contra as suas pessoas.

Os deputados sociais-democratas, Jaime Ramos e Jaime Filipe Ramos, consideram que o líder parlamentar do PS, Carlos Pereira, proferiu “acusações injuriosas e difamatórias” contra as suas pessoas aquando do debate da Conta da Região do ano de 2010, realizado na Assembleia Legislativa no passado dia 28 de junho.

Desta forma, os referidos deputados informam, através de um comunicado, que dentro em breve irão apresentar nos serviços do Ministério Público do Funchal uma queixa-crime contra o deputado socialista Carlos Pereira.

Jaime Ramos e Jaime Filipe Ramos consideram, ainda, que as acusações de Carlos Pereira “foram proferidas com a vil intenção de difamar, ofender e denegrir os visados nas acusações injuriosas, consubstanciando um ataque despudorado e atentatório da imagem, dignidade, honra, prestígio e respeitabilidade social dos mesmos”.

[fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”] [fbshare type=”button”] [twitter style=”vertical” float=”left”]

Pin It on Pinterest