CDU quer zona verde de recreio na Praia Formosa

Para o efeito diz que o Plano de Pormenor da Praia Formosa, aprovado em 2003, tem de ser anulado.

O dirigente da CDU/Madeira, Dírio Ramos, exigiu esta manhã, na Praia Formosa, que a autarquia funchalense reestude e reformule o Plano de Pormenor da Praia Formosa aprovado em 2003. Para o efeito Dírio Ramos sugere que é anule o Plano de Pormenor da Praia Formosa aprovado em 2003, plano esse que do ponto de vista da CDU é ilegal porque contraria o Plano Diretor Municipal (PDM) da altura.

“Dado que o Plano de Pormenor da Praia Formosa já tem nove anos e ninguém investiu a nossa solução, uma vez que estamos a rever o PDM e que a primeira fase que vai ser discutida ao público em outubro deste ano e o Plano Diretor será revisto, o mais tardar, até julho do próximo ano, se anularmos o Plano Pormenor da Praia Formosa, os terrenos voltam à estaca zero, ou seja, ao valor real de 2003 e aí fica barato e nessa altura a câmara municipal ou o governo podem expropriar e fazer uma zona verde de recreio”, apelou o dirigente da CDU.

[fblike style=”standard” showfaces=”false” width=”450″ verb=”like” font=”arial”][fbshare type=”button”][twitter style=”vertical” float=”left”]

Pin It on Pinterest